Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Ferramenta Local MailingNet Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | Target | 11/01/2017 11:59:31 | 334 Acessos
Rouquidão excessiva pode indicar câncer de laringe

Segundo oncologista do HCor, é fundamental que integrantes do grupo de risco da doença realizem exames o quanto antes, caso apresentem o sintoma com certa regularidade. Tal medida contribui com o diagnóstico precoce do problema, o que aumenta as chances de cura

Assim como tosse e pigarro, a rouquidão é geralmente associada com situações cotidianas, como desgaste das cordas vocais, inalação de poluentes, tabagismo ou o contágio de doenças respiratórias. Porém, essa condição também pode indicar problemas muito mais graves. “Rouquidão excessiva pode ser um sintoma de câncer de laringe. Por isso, é fundamental que integrantes do grupo de risco da doença – composto, basicamente, por fumantes, consumidores de álcool, portadores do vírus HPV, além de indivíduos que se alimentam mal ou possuem higiene bucal deficiente –, realizem exames o quanto antes, caso apresentem o sintoma com certa regularidade. Tal medida contribui com o diagnóstico precoce do problema, o que aumenta as chances de cura”, explica a oncologista do HCor, Dra Lucíola de Barros Pontes.

A médica acrescenta que o câncer de laringe é um dos mais comuns entre os que acometem a região que compreende a cabeça e o pescoço. Tanto que já representa cerca de 25% dos tumores diagnosticados nesta área do corpo. Além disso, o problema pode aparecer em qualquer uma das três subdivisões da laringe – glote, subglote e laringe supraglótica. “Vale lembrar que tumores na região do tórax, na base do crânio, além de outros entre a cabeça e o pescoço, também podem, eventualmente, causar rouquidão. Porém, o câncer de laringe é, com certeza, o principal causador deste tipo de sintoma, atualmente”, revela a Dra Lucíola.

Fatores de Risco – Tabagismo e o consumo frequente de bebidas alcoólicas estão entre os principais fatores de risco para o câncer de laringe. Combinamos, estes dois elementos representam um perigo ainda maior. “Fumantes tem até dez vezes mais chances de desenvolver a doença. Quando o indivíduo, além de fumar, consome álcool em grande quantidade, o risco que ele tem de contrair câncer de laringe chega a ser até quarenta vezes maior em comparação com quem opta por não beber ou não fumar, por exemplo”, explica. “Alguns subtipos do vírus HPV também podem desencadear a doença. Portanto, embora possa ser curado de maneira relativamente simples, o problema merece máxima atenção”, alerta a oncologista, lembrando que a má alimentação e a falta de higiene bucal facilitam o trânsito de bactérias na garganta que também contribuem com o surgimento de tumores nesta parte do corpo.

Outros sintomas – Apesar de ser praticamente assintomático no início, o câncer de laringe pode manifestar alguns outros sintomas, além da rouquidão – que é sempre um dos principais sinais da doença, quando surge entre o glóte e subglote. “Conforme o local em que se desenvolvem, tumores de laringe também provocam dores, dificuldades para engolir ou para respirar, além de sensações bastante desagradáveis, como a de um inchaço – semelhante a presença de um caroço – na garganta”, afirma a médica.

Diagnóstico – Para que eventuais suspeitas possam ser investigadas, o diagnóstico do câncer de laringe deve ser feito sempre por um oncologista. Ao examinar os sintomas, o médico realiza uma biopsia para verificar as condições dos tecidos da laringe. “Caso a doença esteja presente, o passo seguinte é realizar exames de imagem para identificar as dimensões do tumor e quais áreas ele já atingiu. Entre os principais estão: raio-X da garganta, ressonância magnética nuclear, tomografia computadorizada, laringoscopia ou endoscopia”, enumera a Dra Lucíola.

Tratamento – Já o tratamento da doença costuma ser realizado de maneira multidisciplinar. Isso para que possa levar em conta não só o estágio da lesão, mas também as condições clínicas apresentadas pelo paciente. Entre os procedimentos mais indicados para reverter e controlar tumores de laringe estão cirurgias, como a laringectomia, radioterapia e quimioterapia. Todos estes métodos podem ser realizados individualmente ou de maneira combinada, dependendo de cada quadro. “Quando não tratado adequadamente, o câncer de laringe pode gerar graves complicações como danos às cordas vocais, dificuldade para deglutir os alimentos, dispneia – o que compromete o sono –, além de metástase, cuja ocorrência pode fazer com que o câncer se espalhe. Por isso, é essencial que o tratamento da doença seja bastante cuidadoso e realizado da maneira mais precoce possível”, conclui a oncologista do HCor.

Target | Estratégia em Comunicação
Assessoria de Imprensa do HCor – Hospital do Coração
Rita Nogueira – rita@targetsp.com.br
Ricardo Costa - ricardo@targetsp.com.br
Acácia Paes – acacia@targetsp.com.br
Tel.: (11) 3063-0477

Compartilhar
Sala de imprensa Target
Empresa TARGET ASSESSORIA DE COMUNIC. S/C LTDA.
Contato Ricardo Costa
E-mail ricardo@targetsp.com.br Fone (011) 30630477
Editoria (s) Saúde
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
Não há Conteúdos relacionados.
PEDE ALIADOS ACABAR CONSOLIDA PAIS primária
TESTE SEIS CRECHE RAZÕES PRECOCE Imunodeficiência
MÉDIO RECRUTA HOSPITAIS VIDA DEPRESSÃO infartos
MELHORA VOLUNTÁRIOS EXERCÍCIOS VINHO TECH Petz
VACINA PETS PSIQUIATRIA MITOS VERDADES Mindfulness
REUNIÃO SINTOMAS BRASILEIRO CHECK-UP ENSINO infecciosos
PRINCIPAIS PENHA APM DICAS ORIENTE significar
TERMINAL HIPERTENSÃO GRIPE RIBEIRÃO REPETIÇÃO PNI
RODOVIÁRIO ARTERIAL TOMÉ GESTÃO MENOPAUSA CONSELHEIRO
POPULAÇÃO QUADROS CIENTÍFICA NECK DEBATE SAÚDE
CLARO FLORA HÁLITO CAUSA MAU CHEGA
INCOR PROBLEMA POSIÇÃO OLHA CELULAR Lafaiate
GRATUITOS INSTITUTO CARDIOLÓGICO SHOPPING ALTA doença
ESTUDO FÍSICOS APAE NACIONAL FORENSE ABN
EXAMES EUROPA PEZINHO RIO SAUDÁVEL PARKINSON
PESCOÇO RUGAS COORDENADORA DIA PAULO CAMPANHA
INFECÇÕES CAUSAS COMBATE PRETO Software anos
RESPIRATÓRIAS PESQUISA ENVELHECER SEMANA intestinal PROMOVE
PRESSÃO
busca avançada
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Monitor
Prêmios
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta