Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | Printer Press | 11/05/2011 13:30:05 | 710 Acessos
Primeiro trimestre de 2011 tem aumento discreto do CDC no saldo total das carteiras de financiamento de veículos
Vendas financiadas começam a ser afetadas pelas medidas macroprudenciais adotadas pelo Banco Central, em dezembro de 2010

O primeiro trimestre de 2011 registrou novo aumento da modalidade CDC para a aquisição de veículos por pessoas físicas. Segundo balanço da Anef (Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras), a modalidade cresceu 6,4% em relação ao mesmo período do ano anterior. Apesar da forte queda do Leasing, de 9,8%, o equilíbrio dos módulos de aquisição foi mantido e o saldo total das carteiras de financiamento chegou a R$ 190,4 bilhões, um aumento de 17,3% – R$ 28,1 bilhões – em relação ao mesmo período em 2010.

Segundo a Anef, a evolução moderada das operações é resultado direto das medidas macroprudenciais adotas pelo Banco Central, em dezembro de 2010. “Os impactos ainda serão ampliados nos próximos meses”, avalia o presidente da Anef, Décio Carbonari de Almeida.

A taxa média de juros praticada pelas associadas à entidade no período apresentou um leve aumento, fechando o trimestre em 1,57% ao mês (20,56% ao ano), contra 1,40% ao mês (18,16% ao ano) do mesmo período em 2010. A taxa praticada no mês anterior, fevereiro de 2011, foi de 1,55% ao mês (20,27% ao ano).

No período, o saldo do crédito para aquisição de veículos passou a corresponder a 5,1% do PIB, contra 5% no mesmo período do ano anterior, passando a representar 10,9% do total do crédito do Sistema Financeiro Nacional e 33% do total do crédito destinado a pessoas físicas.

O saldo do crédito bancário brasileiro alcançou em março de 2011 o valor de R$ 1,752 trilhão, passando a representar 46,4% do PIB (estimado em R$ 3,775 trilhões), um crescimento de 2,4 pontos percentuais em comparação a março de 2010.

Inadimplência cai


De acordo com o levantamento da Anef, a inadimplência acima de 90 dias para o CDC segue a tendência dos últimos meses e apresentou uma leve queda no primeiro trimestre. O índice baixou de 4% para 3% comparado com os três primeiros meses de 2010. Os planos de financiamento mantiveram a média de 44 meses.

Fundada em 1993, a ANEF representa as suas marcas associadas junto aos órgãos do governo, de entidades de classe e associações congêneres, divulga, esclarece e presta informações tanto à imprensa quanto aos consumidores em geral sobre as modalidades de financiamentos – CDC (Crédito Diretor ao Consumidor), Finame, Leasing e Consórcio –, nos segmentos automóveis, ônibus, caminhões e motocicletas. A entidade representa, hoje, 14 marcas e suas respectivas estruturas de serviços de financiamento, incluindo bancos, empresas de arrendamento mercantil e administradoras de consórcios vinculados à indústria automotiva.

Compartilhar
Sala de imprensa Printer Press
Empresa PRINTER PRESS ASS. DE COMUNICAÇÃO LTDA.
Contato Imprensa
E-mail printerpress@printerpress.com.br Fone (11) 55821620
Editoria (s) Economia, Finanças, Automóveis
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
Não há Conteúdos relacionados.
Não há Tag's relacionadas.
busca avançada
Banner Jornal da Usp
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Monitor
Prêmios
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta