Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | TV Cultura | 05/07/2013 18:28:18 | 476 Acessos
"A maior infidelidade é a pedofilia que não é punida pela igreja", diz Padre Beto no Provocações
Visualizar imagem
Excomungado da Igreja Católica revela que seu processo foi feito a toque de caixa. A edição vai ao ar nesta terça-feira (9/7), às 23h, na TV Cultura

Antônio Abujamra recebe, no Provocações da próxima terça-feira (9/7), o Padre Beto, excomungado da Igreja Católica por declarar na internet seu apoio aos homossexuais. Vai ao ar às 23h, na TV Cultura.

Roberto Francisco Daniel, conhecido como o padre excomungado de Bauru, fala de seu processo de excomunhão, comenta sobre pedofilia e põe em discussão pensamentos e ideias sobre a Igreja Católica.

Questionado sobre quem causou maior mal ao mundo, se a religião ou os bancos, ele aponta a primeira opção. “Os bancos causaram um grande mal, mas são desnecessários. Já a religião é necessária ao cerne do ser humano. O homem tem a necessidade de se ligar a si mesmo e a um ser transcendente”.

Ele ressalta que há uma grande diferença entre fidelidade e liberdade de expressão. “Eu sou fiel à igreja, por isso continuo sendo padre mesmo com a excomunhão”. Padre Beto afirma que a maior infidelidade é a pedofilia que não é punida pela igreja. “Infidelidade é a maneira de como a igreja vem tratando os pedófilos. Eles simplesmente são transferidos para outras regiões e paróquias. Os pedófilos “devem ser punidos e tratados, porque pedofilia é um distúrbio sexual.”

Sobre sua excomunhão, ele conta que não recebeu nenhuma intimação, não sabe o nome do juiz e não teve direito a ter um advogado. “Meu processo foi feito a toque de caixa. Fui levado a uma sala onde estava montado um tribunal e com uma cadeira vazia”. Mesmo assim, afirma ter esperança de que seu processo chegue ao Papa Francisco.

Padre Beto explica que a Igreja não lhe deu o direito de se retratar: “Meu bispo me apresentou uma carta de censura e advertência, exigindo que eu tirasse todo o material que eu tenho na internet, de reflexão, e pedindo perdão humildemente por todas as afirmações que eu havia feito. Caso contrário, ele aplicaria o direito canônico, mas eu resolvi ficar com a minha integridade”.

Além de defender os homossexuais, ele também questiona a ideia cristã de felicidade matrimonial: “Existe uma hipocrisia muito grande nas igrejas. Ensina-se algo, mas se pratica algo completamente diferente”, diz ele sobre os métodos anticoncepcionais usados pelos casais e o que é indicado pelos padres.

Compartilhar
Sala de imprensa TV Cultura
Empresa FUNDAÇÃO PADRE ANCHIETA CENTRO PAULISTA RÁDIO E TV EDUCATIVA
Contato Vânia Barboni
E-mail vania@tvcultura.com.br Fone (11) 21823282
Editoria (s) TV e Rádio
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
Não há Conteúdos relacionados.
Não há Tag's relacionadas.
busca avançada
Banner Jornal da Usp
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Monitor
Prêmios
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta