Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | Floter & Schauff Assessoria de Comunicação | 14/05/2015 10:18:36 | 416 Acessos
Os 7 erros que as marcas não podem cometer no varejo

• Em época de crise econômica, o varejo não pode ter gargalos
• Confira os 7 erros imperdoáveis que as marcas não podem cometer no varejo


Gerenciar estoques, controlar a fabricação de produtos, liberar caminhões, traçar rotas, incluir lojistas e distribuidores em sua rede de vendas: tudo isso faz parte do dia a dia das marcas, precisam controlar todo o caminho de seus produtos até os pontos de venda.

“Uma vez nas prateleiras, os produtos estão à disposição do consumidor e passa a gerar receita de vendas”, diz Rogério Lima, diretor de marketing da IPDV, empresa de tecnologia para gestão das marcas no ponto de venda. “É neste momento em que ocorrem erros graves, que geram prejuízo para as marcas, e que poderiam ser evitados – principalmente em tempos de crise, onde cada venda não revertida conta muito”.

Os 7 erros

1. Estoque virtual
O sistema diz que tem uma determinada quantidade de produtos no estoque da loja, quando na verdade tem menos. Essa falha de atualização de informação no estoque gera a falta de reposição de produtos. A grave consequência: falta do produto no ponto de venda. “É simples: o consumidor que não encontra, não compra”, diz Rogerio. “Vai escolher outra marca, vai desistir e pode desvincular um interesse perene naquele produto só por ele ter faltado uma vez, já que a oferta é grande”.

2. Preços errados
Muitas vezes, uma promoção relâmpago – que só acontece em um fim de semana, por exemplo – termina na 2ª feira, mas os representantes de vendas não atualizam o preço, que permanece abaixo do padrão. Com isso, o produto acaba rapidamente e a industria não tem tempo hábil de repor as prateleiras, chegando novamente, na grave consequencia da falta do produto.

3. Falta de cumprimento de roteiro
Os representantes de vendas são profissionais que vivem em trânsito, de loja em loja, com roteiros previamente estabelecidos e que precisam ser cumpridos. Esses vendedores, quando não são controlados via sistemas de check-in, por exemplo, podem deixar de comparecer a alguns pontos de venda estratégicos para as marcas. “Os promotores negociam espaços, checam o merchandising, verificam estoque, apresentação, entre outras funções”, explica Rogério. “Essas visitas são fundamentais para as marcas que, ao não terem esse processo feito corretamente, perdem espaços em pontos de venda chave”.

4. Implementação ruim de material no PDV
A forma como um produto e suas propagandas são colocadas no PDV pode ser determinante para o sucesso das vendas. É preciso ter informação nas mãos dos promotores que saberão quais são as melhores zonas de cada loja, e portanto, colocarão os produtos nas prateleiras da melhor forma possível. “Quando essas informações não chegam ao promotor, ele fará a disposição do material sem critérios pré-definidos e portanto coloca em risco a eficácia da exposição”,diz Rogério.

5. Apresentação desatualizada do produto para o varejista
A relação da marca com o varejista precisa ser constantemente renovada, sempre colocando a loja a par das novidades e dos produtos das marcas. Essa apresentação é feita pelos representantes de vendas, que precisam ter em mãos materiais atualizados. “Se um vendedor vai mostrar os produtos para o varejista e possui materiais ultrapassados, ele não conquista o PDV e não mostra a vantagem que o varejista vai ter em obter os seus produtos”, conta Rogério. “O ideal, é ter catálogos digitais, em dispositivos móveis, de fácil e instantânea atualização”. Esse erro gera falta de exposição do produto no PDV.

6. Falta de controle do merchandising
De nada adianta fazer merchandising no ponto de venda se não controlar a efetividade das ações. “É um investimento alto que a marca faz no PDV para não saber se foi feito corretamente, no tempo combinado, e principalmente, se deu resultado”. Sem saber se o investimento valeu a pena, o investimento foi jogado fora.

7. Informações erradas de sell-out
Quantos produtos foram vendidos, em quanto tempo, preços a que foram vendidos. Todas essas informações do sell-out (ou seja, das vendas), são fundamentais para reposição de estoque e precificação correta. Um erro facilmente corrigido com uma coleta organizada de informações do PDV. A ocorrência desse problema gera falta de produto na loja.


Sobrea IPDV:


Há seis anos no mercado, a IPDV é uma inovadora empresa de sistemas móveis para a gestão de todos os pontos de venda. Utilizando todas as ferramentas disponíveis, a IPDV coloca nas mãos das equipes de Merchandising e Vendas, todo o conhecimento estratégico necessário para que os produtos sejam distribuídos nas lojas com a maior eficácia possível. São soluções como aplicativos para iOS e Android com dicas de exposição, perfil do shopper, vídeos orientando planogramas e áreas quentes das lojas; softwares de gestão de budget de trade para controle de ações e investimento no ponto de venda - com integração total com SAP, catálogo digital de produtos, hotsites para gestão de campanhas de incentivo, floorshare, casting, demonstração de produtos e dashboards. Atualmente, a IPDV atende empresas co mo Whirlpool (Consul e Brastemp), PremieR Pet, Kimberly Clark, Grupo Sanofi e General Mills (Yoki). www.ipdv.com.br
Beatriz Minne Schauff

São Paulo
Rua Jequitaí, 43
Cep 04083-020 - São Paulo/SP
55 11 3085 6583
55 11 3083 2672
55 11 99581 6969

Goiânia
Av.T-63, 1296 - sala 604 - Ed. New World
Cep 74230-100 - Goiânia/GO
62 3609-3697
62 8180-7273

Rio de Janeiro
Praia do Botafogo, 501, Torre Pão de Açúcar, 1º andar
Cep 22250-040 – Rio de Janeiro/RJ

(21) 7254-4244

Compartilhar
Sala de imprensa Floter & Schauff Assessoria de Comunicação
Empresa FLÖTER&SCHAUFF ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO
Contato Ana Beatriz
E-mail anabeatriz@flotereschauff.com.br Fone (11) 30856583
Editoria (s) Varejo
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
Não há Conteúdos relacionados.
Não há Tag's relacionadas.
busca avançada
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Monitor
Prêmios
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta