Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | Race Comunicação | 18/03/2019 09:04:29 | 168 Acessos
Ensino baseado em aprendizagem ativa é destaque no V Fórum STHEM Brasil
Evento de inovação acadêmica acontece nos dias 21 e 22 de março no Instituto Tocantinense Presidente Antonio Carlos S/A (ITPAC Palmas)

O Centro Universitário Eniac, instituição referência em inovação e tecnologia do ensino básico ao superior no Brasil, marca presença no V Fórum STHEM Brasil, evento anual promovido pelo Consórcio STHEM Brasil. Formado por instituições de ensino superior do Brasil e da América Latina, o encontro acontece nos dias 21 e 22 de março, no Instituto Tocantinense Presidente Antonio Carlos S/A (ITPAC Palmas).

O Fórum tem como objetivo promover a aprendizagem ativa entre docentes e alunos, além de divulgar projetos e resultados obtidos pelas instituições parceiras do consórcio. Nesse ano, o Eniac apresentará seis trabalhos aprovados. “A cada ano, o Eniac envia um número maior de trabalhos ao Fórum STHEM e, felizmente, temos tido quase 100% de aceite de nossas pesquisas, o que evidencia o número crescente de professores que têm aderido à promoção da aprendizagem ativa”, conta a Profa. Simone Vianna, assessora de inovação pedagógica do Eniac. Com base em trabalhos apresentados em Fóruns do STHEM Brasil, a docente publicou em 2017, em parceria com colegas de outras instituições, o e-book Inovação Acadêmica e Aprendizagem Ativa.
Focados em metodologia de aprendizagem ativa, os debates fomentados no V Fórum STHEM Brasil terão como intuito discutir como estimular o protagonismo do aluno nas instituições de ensino. “Para potencializar esse comportamento, uma série de métodos podem ser utilizados, como o ensino híbrido, o aprendizado baseado em projetos ou em problemas, a instrução por pares, entre outros”, explica Simone.


Abaixo estão listados e especificados os assuntos dos seis trabalhos que serão apresentados pelo Eniac:
1. Modelo 50x30x20: um novo ensino médio no Colégio ENIAC
Autores: Simone Cristina Gonçalves Vianna, Ana Cristina Vigliar Bondioli, Caio Fernando de Oliveira
Resumo: A atual reforma do ensino médio promoveu alterações radicais em relação a Educação Básica. A proposta pedagógica do novo ensino deve tomar como contexto o mundo do trabalho, o exercício da cidadania e os conhecimentos com os quais o aluno se relaciona no seu dia-a-dia, bem como os processos com os quais se relacionará mais sistematicamente durante sua formação profissional. O Colégio ENIAC, por meio de uma metodologia inovadora, propõe uma transformação do formato tradicional de ensino e aprendizagem e apresenta o seu novo modelo didático, inspirado em uma proposta de ensino e de aprendizado utilizado na Universidade de Tampere (Finlândia), que fomenta, dentre outros, o aprendizado por projetos (PjBL-Project Based Learning), o aprendizado em pares (peer instruction) e o mentoreamento (acompanhamento do estudante pelo docente). Assim, partimos de um modelo intitulado 50x30x20, onde 50% do tempo do aluno é voltado para o “consumo” de conteúdos didáticos (participando de aulas teóricas e inspiradoras, subsidiadas por recursos e estratégias de aprendizagem ativas variadas); 30% do tempo para o desenvolvimento de projetos reais que permitem colocar em prática aquilo que o estudante aprendeu e 20% do tempo para a prática, em oficinas, realizando exercícios, atividades laboratoriais, simulações, treinamentos, participando de rodas de conversa e de sessões de coaching, aferindo deste modo, o conhecimento trabalhado nas aulas. Por meio desse novo modelo, os alunos são convidados a deixar para trás a atitude passiva, de apenas absorver conhecimento de outrem, para conceber e desenvolver projetos interdisciplinares, para participar de oficinas dinâmicas e interativas e, assim, tornar-se o protagonista na construção de seu próprio saber. Além disso, o referido modelo proporciona aprendizado flexível, contextualizado e pautado na experimentação prática, tanto no Ensino Médio Regular como no Ensino Médio Integrado ao Técnico. Alterações curriculares, de infraestrutura (espaços físicos), novas contratações e capacitação docente foram essenciais para a implantação deste modelo, que aconteceu no início de 2019. Pesquisas acerca de sua eficácia se fazem necessárias, bem como um acompanhamento minucioso de suas ações de modo a contribuir para o seu êxito.


2. Capacitação Docente para uso de Metodologias Ativas no Eniac
Autores: Simone Cristina Gonçalves Vianna, Ana Cristina Vigliar Bondioli e Nanci Horácio
Resumo: Este trabalho tem por objetivo descrever a trajetória do Programa de Capacitação Docente do Eniac na adoção de metodologias ativas de aprendizagem em sala de aula e outros espaços, identificando aspectos relevantes, quanto à sua implantação e refletindo sobre seus sucessos e eventuais percalços. Visando exemplificar como o referido processo se fez, descreve-se a seguir, parte dos resultados obtidos por meio deste programa e que, ao serem comparados, possibilitam a identificação de um conjunto de fatores necessários à uma capacitação bem-sucedida, abrindo, deste modo, possibilidade para o delineamento de diferentes modos de formação docente continuada. Inicialmente, em 2016, um curso de capacitação foi ofertado em formato 100% online e apresentou como tema central a utilização das TIC´s na educação. Da mesma forma, em 2017, ofereceu-se aos docentes um outro curso, no mesmo formato, sobre a Teoria da Aprendizagem Ativa. Em ambos os anos, os resultados atingidos não foram os esperados, considerada a falta de engajamento dos docentes participantes, comprovada, dentre outros, pelo baixo número de entregáveis. O fato levou a equipe de inovação pedagógica desta instituição a propor mudanças e, em 2018, oferecer capacitação por meio de um curso híbrido. Logo de início, conduziu-se uma oficina maker, presencial, durante a Jornada Pedagógica 2018, semana em que os professores retornam das férias e participam do planejamento e demais atividades pedagógicas preparatórias. Essa oficina representou o lançamento de um novo curso intitulado Educação e Aprendizado Inovadores, cuja proposta central era a promoção da Cultura Maker. Ao longo de 2018, foi possível observar o engajamento do corpo docente, bem como a aplicação dos conhecimentos adquiridos durante o curso de capacitação em seus cotidianos pedagógicos. Ao final do referido ano, pudemos comprovar a eficácia do referido curso híbrido, uma vez considerada a quantidade e qualidade dos entregáveis, além da alta taxa de ocupação (89%) do FabLab Eniac para a realização de projetos acadêmicos. Seguindo o mesmo modelo, na Jornada Pedagógica 2019, foi realizada uma oficina gamificada na plataforma SEPPO e desenvolvida em parceria com a equipe do MediaLab Eniac. Assim, iniciou-se a Promoção da Gamificação na Educação, cujos resultados obteremos no decorrer do presente ano. Espera-se alcançar o mesmo sucesso obtido com a capacitação de 2018, desta vez, pela adoção da nova estratégia didática e pelo aumento da utilização do espaço e dos recursos do MediaLab Eniac, um espaço ainda pouco utilizado por nossa comunidade acadêmica, se comparado ao FabLab Eniac.
3. Escola de Aplicação pelos Temas Transversais: um projeto de Metodologias Ativas do Centro Universitário ENIAC
Autores: Ana Cristina Vigliar Bondioli e Simone Cristina Gonçalves Vianna
Resumo: O compromisso com a construção da cidadania exige uma prática educacional voltada para a compreensão da realidade social, dos direitos e responsabilidades em relação à vida pessoal e coletiva. Os temas transversais correspondem a questões importantes, urgentes e presentes sob várias formas em nossa vida cotidiana. A abordagem dos referidos temas representam um grande desafio para as instituições escolares, de maneira que estas possam contribuir para o seu debate e reflexão, com consequente aplicação. O presente trabalho descreve uma experiência vivenciada com os estudantes do curso de Licenciatura em Pedagogia do Centro Universitário ENIAC, durante o segundo semestre de 2018. Estes alunos foram apresentados aos Temas Transversais por meio de um curso extracurricular com formato híbrido; propiciando ao aluno tanto um momento de estudo independente e autônomo, como outro momento de estudo em grupo, com o professor ou colegas, valorizando assim, a interação e o aprendizado coletivo e colaborativo. A utilização deste formato contribuiu para que os alunos tivessem contato com os Temas Transversais, visto que, dado ao extenso conteúdo do curso regular e ao período de tempo restrito para sua abordagem, não haveria outra maneira para acedê-los, discuti-los e praticá-los. Além disso, os estudantes puderam atuar de maneira independente, acessando os conteúdos e desenvolvendo as tarefas propostas segundo seu próprio ritmo de estudo, em qualquer tempo e espaço escolhido. Da mesma forma, encontraram oportunidades, em sala de aula, para refletir de maneira coletiva com o professor e seus colegas, o que enriqueceu a experiência. Os resultados da utilização do formato híbrido indicam boa eficácia do método, visto que no primeiro semestre de 2019, estes estudantes foram convidados a prototipar, de maneira interdisciplinar, junto aos estudantes do Curso Superior de Tecnologia em Jogos Digitais, jogos didáticos cujo teor principal eram os Temas Transversais. Ao serem questionados acerca da realização dos jogos, os futuros pedagogos apresentaram-se satisfeitos com o conteúdo aprendido e método empregado, que possibilitou maior liberdade para o aprendizado independente. Além disso, dispostos a participar de outros cursos neste formato.


4. Formação, Competência e Empregabilidade dos alunos de Pedagogia do Centro Universitário Eniac
Autores: Simone Cristina Gonçalves Vianna e Ana Cristina Vigliar Bondioli
Resumo: A empregabilidade pode ser descrita como um conjunto de ações empreendidas para desenvolver habilidades e buscar conhecimentos favoráveis, com vistas a uma colocação profissional, seja ela formal ou informal. O crescimento de cursos superiores em Pedagogia, no Brasil, é real e seu reflexo direto é o aumento do número de egressos e, como consequência, no número de trabalhadores disponíveis. Essa realidade tem impacto na formação e na colocação profissional de nossos estudantes, indicando relevância quanto ao monitoramento dos alunos e dos egressos e de suas condições de trabalho. O presente estudo teve por objetivo identificar competências e habilidades mais demandadas, atualmente, pelos empregadores e as principais dificuldades percebidas para a contratação de pedagogos. Buscou-se compreender os fatores determinantes da empregabilidade de egressos do curso de Licenciatura em Pedagogia do Centro Universitário ENIAC. Foram conduzidas entrevistas estruturadas, em 2018 com 141 alunos e egressos deste curso. Os dados obtidos revelaram que 62% dos respondentes entrevistados encontra-se empregado na área de formação, inclusive, sentindo-se preparado para atuar profissionalmente, a partir da formação acadêmica realizada. Além disso, 87,5% destacou a importância da realização de Projetos Integradores para sua formação. Entre os entrevistados, 72% apontou indicar o curso de Licenciatura em Pedagogia do ENIAC para colegas e familiares e somente 0,01% conferiu ao referido curso nota 6. Conclui-se, portanto, que o curso oferece boas condições aos egressos para competir profissionalmente, porém deve atentar-se para as necessidades e tendências do mercado, visto que nossa sociedade busca incessantemente por novas formas de trabalhar em equipe, assumir riscos e utilizar novas ferramentas tecnológicas, considerando as exigências do mercado profissional do século XXI. Destaca-se a importância da formação continuada destes futuros ou recém-formados professores, para que alcancem oportunidades no mundo do trabalho, onde possam, além de exercer seus saberes profissionais, atingir a realização pessoal, enquanto profissionais bem-sucedidos.
5. A Aplicação das Metodologias Ativas de Aprendizagem no Ensino de Histologia e Embriologia
Autores: Ana Cristina Vigliar Bondioli e Simone Cristina Gonçalves Vianna
Resumo: As Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Superior propõe aos Cursos da Área de Saúde, um currículo baseado em competências, onde os conteúdos das ciências básicas e aplicadas devem ser desenvolvidos de forma integrada, além de apontar a necessidade de adoção de metodologias de ensino que posicionem o aluno como protagonista de seu aprendizado. Nesse sentido, o Centro Universitário ENIAC implementou metodologias ativas de aprendizagem, uma concepção educativa na qual o estudante é o principal agente na construção de seu conhecimento. Este estudo descreve a experiência de aplicação das metodologias ativas de aprendizagem na disciplina de Histologia e Embriologia, do curso de Fisioterapia do Centro Universitário ENIAC, por meio de um relato sobre a participação dos alunos e o compromisso docente em sua aplicação, além de descrever e caracterizar as metodologias ativas aplicadas. Foram utilizadas as seguintes metodologias: Aprendizagem Baseada em Projetos, Sala de Aula Invertida, Rotação por Estações e Aprendizado aos Pares. Além disso, diversos conteúdos foram ministrados em aulas práticas, por meio de técnicas de desenho e da utilização de massa de modelar para a construção de modelos didáticos para o ensino da fecundação, divisão celular e desenvolvimento embrionário. Análises histológicas foram conduzidas por meio de ferramentas digitais e atlas digitais para consulta e estudo de imagens. Os estudantes foram entrevistados sobre os métodos empregados durante o curso, e os resultados apontam que 98% dos alunos aprovaram as metodologias aplicadas e mostraram-se dispostos a participar de outras disciplina que se utilizem de métodos ativos de aprendizagem. A maioria dos estudantes (82%) afirmou que a fecundação e o desenvolvimento embrionário foram os conteúdos em que a prática mostrou-se fundamental para seu completo entendimento. Investimentos feitos pelo Centro Universitário, tanto em metodologia como em infraestrutura e recursos, estimularam o engajamento discente, o incentivo à autonomia e à interdisciplinaridade, o desenvolvimento do espírito de equipe e a aplicação prática da teoria. A continuação da utilização dos referidos métodos faz-se necessária, visando a obtenção de dados mais robustos que possibilitem uma análise mais profunda sobre sua eficácia.
6. O letramento digital na formação de professores: estudantes de Pedagogia e o domínio da plataforma Scratch
Autores: Rosana Passos Quitério de Carvalho e Simone Cristina Gonçalves Vianna
Resumo: Este trabalho apresenta os resultados do projeto de letramento e inclusão digital realizado com estudantes de Pedagogia do Centro Universitário Eniac. Os objetivos do projeto foram os de possibilitar o letramento e a inclusão digital, contribuir com a compreensão acerca da importância das tecnologias digitais para a formação de professores da educação básica e promover a aprendizagem ativa. A investigação se deu por meio da experiência vivida durante o ano de 2018, em que alunas, estudantes desse curso, receberam um treinamento realizado no MediaLab Eniac, para uso da plataforma Scratch, ferramenta voltada para a construção de games educativos. Em seguida, foram organizadas oficinas de programação Scratch, ministradas pelas próprias alunas para dois públicos diferentes: crianças do quinto do ensino fundamental da rede municipal de Guarulhos e para um grupo de professores visitantes da instituição em que elas estudavam. Nessas oficinas, essas estudantes tiveram a oportunidade de mediar a construção de jogos e demonstrar seus conhecimentos, adquiridos por meio do treinamento realizado no início do processo. Foram realizados registros comprobatórios de todas as ações, bem como formulários de avaliação dessas vivências por parte das estudantes. A qualidade nos cursos de formação de professores e sua adequação às novas demandas do mundo de trabalho vêm sendo abordadas e discutidas por muitos autores na atualidade, sendo que, as tecnologias educacionais têm acompanhado esse movimento no sentido de contribuir com os processos de interação e comunicação durante o ensino. Dessa forma, voltar nossos estudos para essas questões em um curso de Pedagogia tem se mostrado de grande valia, considerando o fato de que as tecnologias educacionais contribuem com a aprendizagem de crianças de todos os meios sociais. Os resultados obtidos demonstraram que a formação recebida pelas estudantes proporcionou domínio sobre o tema, valorização do uso dessas ferramentas digitais e contribuiu com a oferta de recursos conceituais e metodológicos importantes para o trabalho das futuras pedagogas, que compreenderam proposta do projeto e vêm demonstrando interesse em se aprofundarem na área por meio de pesquisas orientadas pelos professores integrantes do próprio curso.
Serviço – V Fórum Anual de Inovação Acadêmica STHEM Brasil

Data: 21 e 22 de março de 2019
Local: Instituto Tocantinense Presidente Antonio Carlos S/A (ITPAC Palmas)
Endereço: Quadra 202 sul, Rua NSB, Conjunto 02, Lote 3, Palmas – TO
Mais informações: http://sthembrasil.com/

SOBRE O ENIAC
Fundado em 1985 como escola técnica, ao oferecer cursos na área de microinformática, o Eniac é uma instituição de ensino que tem como premissa utilizar a inovação tecnológica a serviço da aprendizagem. Atua na educação básica e ensino técnico profissionalizante, passando pelo ensino médio integrado ao técnico. Desde 2002 atua no ensino superior, quando fundou a Faculdade Eniac, que proporciona aos alunos aprendizado dinâmico, independente e adaptado à realidade contemporânea. Em 2016 foi reconhecida pelo MEC como Centro Universitário.
O Grupo Eniac tem como missão educar e formar cidadãos para obter sucesso na vida, sendo competentes no mercado de trabalho e responsáveis com o meio ambiente. Recentemente, firmou parceria e se tornou case da Google e da Amazon Web Services (AWS), consolidando-se como uma referência em tecnologia e inovação na educação básica e superior no Brasil. Em seu campus, localizado na cidade de Guarulhos (SP), trabalham cerca de 450 colaboradores, entre docentes e profissionais responsáveis por questões administrativas.


INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA
Race Comunicação
Amanda Lima | Gabriel Pedreschi
eniac@agenciarace.com.br
Tel: (11) 2894-5607/2548-0720

Compartilhar
Sala de imprensa Race Comunicação
Empresa AGÊNCIA RACE DE COMUNICAÇÃO E MARKETING LTDA - ME
Contato Centro Universitário Eniac
E-mail eniac@agenciarace.com.br Fone (11) 28945607
Editoria (s) Educação
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
Centro CÉUS TELECOMUNICAÇÃO REGRESSO SERVIÇOS CAPITAL
SOLUÇÃO CONDIÇÕES PIRASSUNUNGA LIDO SEMANA postes
PROGRAMAÇÃO EXTINÇÃO DIESEL AMEAÇADO ESTUDANTES justificam
CARGO COMPARTILHAMENTO MÁQUINA CONTA PAULA abutre
ÚLTIMA STEFANI CABOS GRUPO BRASIL maquinista
BENEFICIA SOUZA EXCESSO LIVROS HISTÓRIA Turkish
RODA INDENIZAÇÃO TRANSFORMANDO LAR FEIRA precárias
INOVADOR TRABALHO PROFISSÕES MELHORIA CONCEITO doutos
RECHEADA MORADIA PARTICIPA CHEGA JULHO RIBEIRÃO
METRÔ FIOS INCRÍVEL PRETO INJUSTIÇA
busca avançada
Banner Jornal da Usp
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Monitor
Prêmios
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta