Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | Analítica Comunicação | 23/05/2019 16:17:37 | 172 Acessos
Ministério Público do Trabalho recebe denúncia com 25 casos de assédio sexual e racismo no McDonald's do Brasil

O Ministério Público do Trabalho recebeu na semana passada uma denúncia de assédio sexual e discriminação racial contra 25 ex-funcionários da rede de fast food McDonald’s no Brasil. Os casos foram entregues ao procurador Alberto Emiliano de Oliveira Neto, da Procuradoria Regional do Ministério Público do Trabalho no Paraná. O documento elaborado pela União Geral dos Trabalhadores (UGT) ressalta que as evidências de assédio sexual e de discriminação racial demonstram um padrão sistemático de abuso dos direitos dos trabalhadores em no McDonald’s, que requer a intervenção imediata do Ministério Público do Trabalho. Os casos encaminhados ao MPT são de São Paulo e do Paraná.


“Nossa denúncia trata de um alarmante e inaceitável padrão de assédio sexual e racial nos restaurantes McDonald’s no Brasil”, observa Ricardo Patah, presidente da União Geral dos Trabalhadores. “Agradecemos o Ministério Público do Trabalho por olhar com atenção para esse caso, e esperamos que o McDonald’s tome medidas imediatamente para assegurar um local de trabalho livre desse tipo horrível de assédio sexual e racial, que demonstra ser muito comum em suas dependências”.
Em um dos casos que consta da denúncia, um jovem conta que foi assediado por um colega de trabalho que exibia fotos nu e fazia comentário como “já pensou em um desses na sua cama”, “vamos a um motelzinho” ou “se ficar comigo vai ter privilégios”. Além disso, ele diz que também era assediado por uma atendente, e que do assédio ao gerente da unidade, que não fez nada para coibir as ações.
Em outra denúncia, uma jovem disse que o coordenador da unidade a abraçou em inúmeras oportunidades, fez carícias em seu corpo e ainda passou a mão em suas “partes íntimas”, tendo seguido a funcionária ao banheiro e a intimidado com “convites maliciosos”. Outra jovem alega que foi abordada pelo gerente no vestiário, quando estava de sutiã, e que ele disse que ela tinha os seios “durinhos”. Mais tarde, ele a avisou de que ela teria de “dar algo em troca” se quisesse subir de cargo.
Em relação aos casos de racismo, ex-funcionários se queixam de serem chamados de burros, “neguinha”, “macaca”, “negro”, “preto”, “negrinha cacheta”, “cabelo duro”, entre outros xingamentos, em alguns casos diante dos clientes da loja.

Segundo Ricardo Patah, as denúncias apresentadas indicam evidências de conduta semelhante em outras lojas do McDonald’s no país. “Ainda estamos efetuando levantamentos de ações individuais envolvendo assédio sexual e racial em outros estados da federação. Esperamos que o Ministério Público do Trabalho tem uma atuação firme diante desses casos, porque é bem possível que ele sejam apenas a ponta do iceberg de um problema sistêmico ou até mesmo estrutural do Mc Donald’s”, conclui Patah.

Mais informações:
Analítica Comunicação – Assessoria de Imprensa
F: (11) 2475.7720
Fabio Bittencourt – fabio.bittencourt@analitica.inf.br

Compartilhar
Sala de imprensa Analítica Comunicação
Empresa L H de S Amaral ME
Contato Fabio Bittencourt
E-mail fabio.bittencourt@analitica.inf.br Fone (11) 25795520
Editoria (s) Jurídica
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
AGÊNCIA PREPARAR MINEIRA PROGRAMA Protagonismo SOFITEL
PROCESSOS MELO TECNOLOGIA JOVEM Sutton ITINERANTE
DESENVOLVER BRIDGESTONE DIFERENÇAS AÇÃO turnos FINAIS
GARANTE SOM BASQUETE MILHÕES Duratex FRANCÊS
MESES ATP PACIENTE SUL contadoras ALUNA
PROGRAMAÇÃO LIMA ANA PRIVILEGIA terremotos VAGA
ASSINAM CAMPOS CRIMINAIS JORNADA Airbnb CORRIDAS
ALUNOS UBERABA ADVOGADO EDIÇÃO anfitriões JEITO
MELHORAR REÚNE DEEP ESTUDANTES EBC ESPECIALIZAÇÃO
PRINCIPAIS RUMO GARRIDO BRASILEIRA Paralímpicos VIVER
EVENTOS SUCESSO COLETIVO PAULA crescemos INSCRIÇÕES
MARCELO LONDRINA ANDY CRESCE Aprendemos LUGAR
PAÍSES ALIANÇAS APROXIMA FERIADO maquinista DIGITAL
PRÓXIMA ESTRATÉGICAS MARISTA ANIVERSÁRIO antecedentes DIREITO
INSTALAÇÕES ROTINA MURRAY BRASIL Concursado DOIS
INCENTIVA ÍCONE RIBEIRÃO BIODIESEL Mak CINEMA
BOLSA MALHA BH ATLETAS Eastbourne JUVENTUDE
ALCANÇA DESAFIOS DONA ATLETA alternava MEDICINA
MIAMI EXIGÊNCIA DISCRIMINAÇÃO JOGOS egocentrismo COLÉGIO
ENEM EXTRAS SAÚDE LADO Cabrales MOSTRA
SINGULAR DRYWALL AMADEU CONSTRUÇÃO inicia ESPECIAL
MUNICIPAL CORPUS PALESTRA ALMEIDA homenagem VESTIBULAR
RECEBER JORDÃO EMPRESARIAL OLÍMPICOS PROMOVE FACULDADE
SEIS UFF SHOPPING HORAS SESC DRUGOVICH
PRODUTIVIDADE SELECIONADO HISTÓRIAS CERTIDÃO CONQUISTA UEPG
COMPETIÇÕES RIDE MARIA SELEÇÃO ABRE sátiros
ESPORTIVAS CHRISTI QUATRO BEM-ESTAR AJUDA hálitos
EXTRA SETOR FEIRINHA RENDA FÓRMULA fétidos
ACISA NBA SEMINÁRIO TRANSPORTE HÓSPEDES "Nueva
GASTRONOMIA CONVOCAM JOVENS INVERNO CONVIDA Mirada"
CADA CANDIDATO EMPREGO ALÉM FRANÇA INTERNACIONAL
GERALDO JOGA CHEGA PAULO FIA SEMANA
CONSEGUE BOTUCATU TÓQUIO TEMPORADA FELIPE CURSO
USUÁRIOS LUCINHA PRETO revela SEQÜÊNCIA FESTIVAL
SÉTIMA CASCAVEL gratuito focados INFÂNCIA
busca avançada
Banner Jornal da Usp
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Monitor
Prêmios
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta